das coisas possíveis em um ano

Um ano é tempo blocado, traz com ele a responsabilidade de cumprir algo, resolver algo, decidir algo, mudar algo, terminar algo. Pois é, joguei tudo isso num liquidificador com azeite e alfavaca e deu um gosto bom.

Agora não tem mais jeito, depois de um ano muitas desculpas caem, afinal: “ah, já faz um ano”.

Um ano é tempo suficiente para as coisas começarem a se encaixar – e eu tenho a impressão que isso seja perigoso pra quem quer ser mutante, não para se adaptar e sim pra ter o poder de ser expelida, assim como um corpo estranho.

Tempo suficiente pra conhecer novos amigos, novos pontos cardeais, outros amigos de outros pontos cardeais.

Pra reconhecer alguns dons que ficaram pra trás, conhecer novos.

Suficiente pra reconhecer de quem você veio.

É tempo pra sentir de novo o leve descompasso do coração por quem te mostra que há um descompasso entre os dois. Entendi. É como quando a Regis posta alguma coisa no Facebook depois de meses: é sinal que ainda vive e isso é bom, por mais que seja ligeiro, despretensioso.

E eu que pedi muletas (“por favor, só pra eu ficar em pé por esse ano”), ganhei pernas. Bonitonas, viu. Pernas que me colocam pra sambar mesmo quando toca um….choro.

Tô feliz, juro!

Postado por Lis Sayuri. “Meu corpo tá aqui, mas meu espírito é de lá.”

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized e marcado , , , , . Guardar link permanente.

4 respostas para das coisas possíveis em um ano

  1. Felipe Szulc disse:

    Essa Lis Sayuri sempre me surpreendendo! É disso que eu tô falando, japa!

    O texto ficou bom pra caramba. Juro!

    Bjo.

  2. Tatiana disse:

    Você podia fazer um texto inteiro sobre a teoria do corpo estranho. E que as pernas te façam sambar ainda mais, ainda mais.

  3. Faremos o teste destas pernas muito logo, nas terras cariocas.
    …e que elas te levem não para onde você quiser, mas para o novo, para os lugares e situações inusitadas nas quais você possa ser MUTANTE.
    To muito feliz por você, JURO.

  4. Cris disse:

    E que nada te tire do palco japa!!!! Que vc tava feliz eu já sabia, mas é bom escutar assim declarado!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s