Nova carta

Moro num lugar onde preciso contar de onde venho (Guara o que??) O que gosto, o que sou, o que faço. O que fiz, o que não fiz, o que gostaria de ter feito. E ouvir as constatações: É uma pessoa centrada. Não, misteriosa. É uma pati. É empreendedora. É uma sonhadora. É santinha. De santinha não tem nada.

Mas mais do que as constatações alheias, estar longe me fez ver quem sou. Me fez, em pouco tempo, conhecer coisas que me fizeram ficar parada diante de mim mesma: nossa, será que sempre fui assim?

Geralmente minhas constatações vinham de muita reflexão comigo mesma, de retiros, de silêncios. De algumas loucuras, talvez. Como a vez que escrevi uma carta para meus futuros filhos, os que seriam de olhos verdes, pedindo desculpas porque a mãe deles tinha optado outro caminho, e infelizmente, eles não nasceriam (e chorei por eles…) Ou da vez que recebi uma carta do meu futuro. É sério.  Dizia o que tinha conseguido, feito, com quem estava partilhando meus momentos, o que consegui e não consegui realizar. Ou ainda quando escrevi meu necrológio, em terceira pessoa. Morreu ontem, a senhora Renata, descrevendo idade, motivo, obras realizadas, filhos e netos que deixara. Quando pensei que poderia ser coisa de maluca, descobri que é fonte de estudo filosófico na busca de não perder o foco dos suas motivações e desejos mais profundos.

Mas dessa vez, algo diferente aconteceu. Novas pessoas, experiências, conversas… Foi na ausência de silêncio e de rotina que meu presente que falou comigo.

Menina, hoje você conheceu fraquezas que não sabia que tinha. Conheceu forças que não sabia que tinha. Conhece seus limites. Os teus, os de convivência. Conhece e pratica sua paciência. Logo você, que se julgava tão paciente. Conhece melhor a sua história. Olha com carinho para os desamores que a vida te trouxe. Conhece seu sotaque, ou a falta de identidade que ele já mostra.  BAH! Hoje, você entende melhor o que toca sua alma. Conhece melhor a tua fé.

Postado por Renata Nizer

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

3 respostas para Nova carta

  1. Lis Sayuri disse:

    Loca do céu, eu não sei onde você vai parar….se é que vai.

  2. Regina disse:

    Hahaha eu tb escrevo cartas para o futuro!!! E eu entendo, sou do mesmo buraco que vc e sei que nos surpreendemos com nós mesmos quando estamos longe… Bjos Renata, boa sorte!!

  3. Cris disse:

    Muito bom Re! Adorei! beijo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s